Paulo Cesar Jr

A IGREJA PERFEITA

In Cristã on janeiro 5, 2011 at 12:27 am

A IGREJA PERFEITA?

O que seria a igreja perfeita para mim ou para você? Vivemos insatisfeitos com aquilo que não nos agrada, inclusive dentro das igrejas. As vezes não gostamos da pregação, as vezes do pregador, as vezes do louvor, as vezes do cantor, as vezes da liturgia, as vezes pela falta dela, as vezes do barulho, as vezes do silêncio, reclamamos pois tudo se pode, e as vezes não se pode nada, as vezes por haver irmãos alegres demais, as vezes por haver irmãos sérios demais. Mas se refletirmos o que nos importa na verdade tudo isso. O que adianta satisfazermos nossas necessidades nessa terra sem pensar no Reino dos Ceús? A pergunta correta seria:
O que seria a Igreja perfeita para Deus?
(Deuteronômio 32:9) – Porque a porção do SENHOR é o seu povo; Jacó é a parte da sua herança. 10 – Achou-o numa terra deserta, e num ermo solitário cheio de uivos; cercou-o, instruiu-o, e guardou-o como a menina do seu olho. 11 – Como a águia desperta a sua ninhada, move-se sobre os seus filhos, estende as suas asas, toma-os, e os leva sobre as suas asas, 12 – Assim só o SENHOR o guiou; e não havia com ele deus estranho.
Segundo Dt.32:9-12. Uma igreja cercada por Deus, instruída por Ele, e depois guardada por ele como uma pedra preciosa, uma diadema real na mão de Deus (Is 62:3).
Mas vamos analisar nas igrejas citadas em Apocalipse, as características que agradaram e as que desagradaram a Deus.
A primeira característica que agrada a Deus, e que é solicitada para toda igreja repreendida em Apocalipse é o ARREPENDIMENTO. Isso mesmo, arrependimento é algo que agrada a Deus. Reconhecermos nossos erros, pecados, fraquezas diante de Deus e não repetir os erros, voltar a conformidade com o Pai.
Porem, vemos outras características que agradam a Deus, entre elas:
  • 1-      Obras por Deus, trabalho pelo nome de Deus, paciência, discernir os falsos profetas.
  • 2-      Sofrer perseguição por Cristo, Não temer (confiar em Deus), ser fiel
  • 3-      Permanecer fiel a Deus e não negar o Seu Nome
  • 4-      Amor, serviço, fé, paciência
  • 5-      Eficiência
  • 6-      Fidelidade
Algumas características que não agradam a Deus, entre elas:
  • 1-      Fazer o serviço, obra ou caridade para benefício próprio ou da comunidade e não por amor a Deus. Deixar o amor de Deus
  • 2-      Seguir outras doutrinas diferentes da de Deus
  • 3-      Imoralidade
  • 4-      Superficialidade
  • 5-      Indiferença
Não é a instituição Igreja que deve mudar. A mudança começa por nós mesmos. Só precisamos de um indivíduo para ser um exemplo “positivo ou negativo”. Nós somos a Igreja. O que chamamos de Igreja é só o local onde nos reunimos. Se queremos uma igreja Santa e mais próxima de Deus, devemos começar a mudar nossos próprios paradigmas, e tentarmos nos aproximar das características que agradam a Deus. O outro ponto é irmos em direção a simplicidade de Jesus. Só a Deus a Glória.
Irmão Paulo Cesar Jr (Apreciador das Escrituras)

 

Anúncios

O absurdo plano de salvação dos mórmons

In Cristã on dezembro 17, 2010 at 9:24 pm

O absurdo plano de salvação dos mórmons.

AQUELE que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará.

In Cristã on dezembro 17, 2010 at 8:58 pm

AQUELE que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará.

Esses dias eu não andei bem de saúde. Dormi uma noite no hospital com febre alta devido a uma infecção.  Acabei ficando ainda dois dias em casa para me recuperar, mas ainda tive que trabalhar os dois últimos dias desta semana. Na quinta fui Ministrar o Louvor na igreja e quase caí. Acabei tendo que tocar sentado mesmo. Hoje sexta-feira, como não estava 100%, pois sentia tonturas e vertigens, mas graças a misericórdia de Deus,  febre não. Decidi ir para casa mais cedo para repousar. O sol às 14:00 que no horário normal seria 13:00, estava bem forte.  E eu vinha meio zonzo pela rua tentando achar uma sombra debaixo de todo aquele sol. Depois de andar 2 quarteirões dos 7 que eu comumente ando todos os dias, percebi as árvores do outro lado da rua que poderiam me oferecer a coberturanecessária para que eu pudesse alcançar o meu objetivo. Chegar em casa. Acabei lembrando um pouco da pregação de ontem da Prª Shirley que falava além de outros assuntos da cobertura de Deus. Isso me fez refletir naquele momento, enquanto vencia a dificuldade ao caminhar, quão é importante a cobertura de Deus em nossas vidas.
Enquanto caminhava, observava e refletia. Agora estava um pouco melhor para andar, pois podia andar debaixo da sombra das árvores, mas apesar disso na calçada havia ainda vários obstáculos. As pessoas infelizmente jogam qualquer coisa na rua. Não eram esses obstáculos que me impediriam de chegar em casa. Andei mais um quarteirão e já sentia a brisa do ventoque vinha do mar, isso me animou mais para continuar. Mas os obstáculos continuaram. Na metade do último quarteirão, as árvores acabaram, e o material de uma obra da prefeitura, me obrigou a sair da calçada. Segui o restante do caminho pela ruaaté meu destino, a barca para casa.
Assim Deus é conosco. Nos mostra que há um caminho em que podemos encontrar proteção, debaixo das asas Dele. Mas mesmo com sua proteção devemos vencer obstáculos a nossa frente. Quando nos sentimos fracos nesse caminho, Ele nos dá orefrigério (Brisa), e temos animo para continuar. E nos momentos em que as circunstâncias estão mais difíceis, estamos suficientemente fortalecidos por Deus, para podermosalcançar aquilo que almejamos. Não graças a nossas forças, mas graças a misericórdia de Deus para conosco. Só a Deus a Glória.
SALMO 91:1-12
1     AQUELE que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará.
2     Direi do SENHOR: Ele é o meu Deus, o meu refúgio, a minha fortaleza, e nele confiarei.
3     Porque ele te livrará do laço do passarinheiro, e da peste perniciosa.
4     Ele te cobrirá com as suas penas, e debaixo das suas asas te confiarás; a sua verdade será o teu escudo e broquel.
5     Não terás medo do terror de noite nem da seta que voa de dia,
6     Nem da peste que anda na escuridão, nem da mortandade que assola ao meio-dia.
7     Mil cairão ao teu lado, e dez mil à tua direita, mas não chegará a ti.
8     Somente com os teus olhos contemplarás, e verás a recompensa dos ímpios.
9     Porque tu, ó SENHOR, és o meu refúgio. No Altíssimo fizeste a tua habitação.
10     Nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda.
11     Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos.
12     Eles te sustentarão nas suas mãos, para que não tropeces com o teu pé em pedra.